Terça-feira, 11 de Setembro de 2007

Urgals e Espectros

Urgals
 
Urgals são criaturas bárbaras e repugnantes. São caçadores implacáveis e rudes. O rei Galbatorix tinha muitos Urgals à sua disposição. Os Urgals podem ter vários tamanhos e formas. Há muitas etnias Urgals, incluindo os Kull. Os Kull tem uma forma maior que as restantes etnias.
Em Eragon, os Urgals estavam sob o comando do Império, em escravatura, sob um feitiço proferido por Durza (O Espectro).
 
Espectros
 
Como feiticeiros malvados, os Espectros são dos guerreiros mais temidos em toda a Alagaësia. Sabe-se que em qualquer lugar em que um Espectro esteve a morte e a destruição vieram a seguir. A sua visão apurada permitindo ver tão claramente durante o dia como durante a noite. Um Espectro, mais forte do que todo o ser humano, é hábil tanto em lutas com espadas como com magia. A maioria dos Espectros é criado por acidente. Como feiticeiros, invocam muitos tipos de espíritos para conseguir os seus feitiços, sendo alguns desses espíritos negros. Pode ocorrer, durante a invocação, que os espíritos que são invocados sejam mais fortes do que o feiticeiro. Quando isto acontece, o feiticeiro perde o controlo do seu corpo e poderes, ficando o espírito negro a dominá-lo. Uma vez o espírito instalado no corpo, nunca mais sai, fazendo com que seja muito difícil matar um Espectro.

Um dos poucos Espectros mencionados Eragon era Durza, aliado do rei Galbatorix. Durza, ou Carsaib (seu verdadeiro nome), era uma figura principal na autoridade dos Exércitos de Galbatorix. Alto e com a sua forma diluída no espaço, este tinha cabelo vermelho adornando a sua cara pálida. Os seus olhos castanhos e dentes com forma de agulhas davam-lhe uma forma demoníaca que permitia intimidar facilmente os seus oponentes. Uma espada pálida e longa era a sua arma mais conhecida, principalmente por causa do longo risco que tem na lâmina. Morreu com uma espada trespassando-lhe o coração, pois é a única forma de matar um Espectro.
by: Eragon
 Sé mor'ranr ono finna!
sinto-me: Durza
música: Wait a Minute - Pussycat Dolls
publicado por Rui Alves às 15:22
link do post | comentar | ver comentários (11) | favorito

Cavaleiros do Dragão (Shur'tugal)

Sobre os Cavaleiros do Dragão

Os Cavaleiros do Dragão, como já venho referindo nos posts anteriores, existem desde que o pacto entre os Elfos e os Dragões foi firmado. A sua missão era proteger e guardar a paz entre as raças. No início, somente os Elfos eram Cavaleiros, mas mais tarde, os Humanos foram adicionados aos tratados. Durante um certo período, os Cavaleiros existiram somente para se certificar que a guerra não recomeçava. Passado algum tempo, os Cavaleiros do Dragão tornaram-se reconhecidos pelo seu poder e foi-lhes atribuída ainda mais autoridade. Antes do reino de terror de Galbatorix, os Cavaleiros eram ainda mais poderosos do que todos os reis em Alagaësia.

Os Cavaleiros tinham a sua sede na ilha de Vroengard, na costa noroeste de Alagaësia, cuja capital é Doru Araeba. Esta foi a posição dos seus edifícios até que Galbatorix derrotou os Cavaleiros.

Durante a rebelião de Galbatorix, os Cavaleiros do Dragão tentaram unir as suas forças e derrota-lo, mas a maldade do rebelde era demasiado forte, fazendo com que este destruísse todos os que se lhe opunham. Há rumores de que, naquele tempo, os Cavaleiros estavam a expandir-se arrogantes e um pouco corruptos, devido aos seus imensos poderes. Doze cavaleiros aliaram-se a Galbatorix, e, juntamente com Morzan, formaram os 13 Renegados.

Os Shur’tugal estão ligados ao seu Dragão. Estes comunicam telepaticamente. Outras pessoas podem comunicar com os Dragões, mas somente se souberem como chegar à mente deste. No entanto, considera-se rude falar com o Dragão de outro Cavaleiro. Os Cavaleiros do Dragão são muito poderosos na luta e também com magia. A sua magia é baseada na Língua Antiga. Os Cavaleiros usaram o seu dom que têm que trazer a paz e a ordem ao mundo.

A Arma de um Cavaleiro

História das Espadas

Quando um Cavaleiro termina o seu treino, os Elfos premeiam-no com uma espada. Estas espadas eram as algumas das mais bem feitas de sempre. Os métodos dos Elfos de forjamento permaneceram sempre em segredo. No entanto, a ferreira Elfo que produziu estas espadas é Rhunön, que aprendeu as artes de ferreiro de Futhark, o legendário ferreiro Anão.

Detalhes Gerais das Espadas

As espadas dos Shur’tugal são eternamente afiadas e nunca ficam com defeitos. Um costume dos Elfos era ter o metal da espada da mesma cor do Dragão do Cavaleiro.
by: Eragon
Losna kalfya iet.
sinto-me: Shur'tugal
música: (---)(A VER TV)(---)
publicado por Rui Alves às 00:02
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito

.os Cavaleiros

.pesquisar

 

.tags

. todas as tags

.posts recentes

. Urgals e Espectros

. Cavaleiros do Dragão (Shu...

.arquivos

. Agosto 2013

. Janeiro 2010

. Dezembro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

.ligações

blogs SAPO

.subscrever feeds